“Nenhum coração sofre com o bem de outrem, mas o triunfo de um, fonte de encantamento e de alegria para os outros, cria frequentemente imitadores”. (Maria Montessori) SENHORES PAIS A situação é a pior possível. A última vez que tivemos uma situação de quarentena no Brasil foi na década de 1920, por isso estamos todos […]

“Nenhum coração sofre com o bem de outrem, mas o triunfo de um, fonte de encantamento e de alegria para os outros, cria frequentemente imitadores”. (Maria Montessori)

SENHORES PAIS

A situação é a pior possível. A última vez que tivemos uma situação de quarentena no Brasil foi na década de 1920, por isso estamos todos buscando formas assertivas de agir diante desse novo e assustador cenário mundial. As aulas na nossa escola ocorreram normalmente até o dia 16 de março, pois paralisamos as nossas atividades no dia 17, quando começamos a trabalhar de forma virtual, enviando atividades para os nossos alunos através do site da escola e dos grupos de whatsapp, de forma a minimizar os impactos que a falta de atendimento direto com a criança poderia causar.

Sabemos que muitos familiares têm se aproveitado bastante desses momentos de aprendizagem em casa, ajudando as crianças na realização das propostas, fazendo as atividades físicas, participando das propostas de música, buscando realizar com tranquilidade as propostas de pesquisa, aprendendo com os vídeos, fazendo junto com a criança as atividades de inglês, se divertindo e aprendendo com as aulas gravadas pelas professoras… enfim, temos interagido bastante, porém sabemos também que há as dificuldades, pois entendemos que muitos pais não possuem as habilidades pedagógicas necessárias para trabalhar muitos dos conceitos necessários para o pleno desenvolvimento da criança, que também sabemos, não se dá de forma isolada, necessita da interação para ser pleno.

Maria Montessori, em seu livro O Segredo da Infância, fala que a gente precisa conhecer os nossos filhos para favorecer o seu crescimento, pois muitas vezes os pais julgam alguns comportamentos como “capricho”, mas na verdade isso expõe a nossa falta de conhecimento a respeito do caminho de crescimento de cada criança. Dominar habilidades como caminhar, correr, comer com autonomia, refinar os movimentos, pegar um lápis, aprender a escrever e a ler, desenvolver habilidades motoras finas, enfim, evoluir intelectual, físico e emocionalmente exigem dedicação, estudo e muito amor.

Aproveitem esses dias em que vocês estão com os seus pequenos tesouros e os conheçam mais profundamente; os ame mais intensamente; os ouça mais atenciosamente; converse mais longamente; brinque mais distraidamente e abrace mais fortemente, pois estamos vivendo uma transformação única, e não podemos voltar para as nossas rotinas da forma que éramos, temos que voltar muito melhores. As aulas virtuais surtiram seus efeitos. Aproximamos muitos pais dos seus filhos, ajudamos a criar uma rotina de estudos em casa, sugerimos aquilo que, pedagogicamente o seu filho precisava, mas sabemos que a casa de cada um possui outros desafios e que cada pai/mãe tem propostas interessantes para fazer com o seu filho no seu espaço de aconchego, ou seja em sua casa. Diante disso, pensamos em continuar com os desafios, porém informamos que estamos dando férias aos nossos alunos e professores a partir do dia 01 de abril (e por mais que esse seja o dia da mentira, estamos falando a verdade).

Estaremos gozando as férias de 1º a 30 de abril, na fé de que, até essa data, estaremos com as nossas vidas no caminho da normalidade. No dia 1º de maio, aproveitando o aniversário da escola, reiniciaremos com muita vontade e garra. As férias que seriam em julho, estamos antecipando para abril, e queremos contar com a compreensão de cada membro da nossa família, pois é necessário compreender que, como instituição, a Escola Recanto tem compromissos (folha de pagamento de funcionários, encargos públicos, obrigações sociais), mas confiamos que cada membro dessa escola vai continuar fazendo os seus pagamentos, pois sem isso não temos como continuar funcionando. Temos fé que vocês não vão falhar conosco, pois tem por essa escola mais do que obrigações, cada pai/mãe tem amor pelo Recanto. Para esse momento, estamos disponibilizando duas contas para que vocês possam fazer os depósitos das mensalidades. Solicitamos que retirem o comprovante de depósito e grampeiem no carnê para que possamos dar baixa quando retornarmos à nossa normalidade.

As contas estão no nome de OSCARLINA R. CARDOSO TANURI
BANCO ITAÚ: AG. 1007 CONTA: 03014-9 CNPJ: 14661904/0001-72
CAIXA ECONÔMICA: AG. 0080 OPERAÇÃO: 03 CONTA: 1432-0 CNPJ: 14661904/0001-72

Vamos confiar em Deus, rezar/orar e fazer com que as nossas ações contribuam para que esse momento difícil para a humanidade passe logo. Esperamos nos ver em breve, e queremos reiterar que esse não será um ano perdido, pois Deus está no comando de tudo. Queremos retomar as nossas atividades celebrando a vida, pois iremos comemorar o 52º aniversário da nossa amada escola, e isso, por si só, já é um bom sinal.

Que as bênçãos de Deus recaiam sobre cada um de nós e que esses dias de férias possam nos aproximar de nossos filhos, pois, depois desse período passaremos por um longo período letivo, sem intervalos, o que vai nos trazer muitos aprendizados e mais algumas adaptações na nossa vida.

Sejam felizes e até o dia 1º de maio.

OSCARLINA RODRIGUES CARDOSO TANURI